3 Trilhas Para Fazer no Sul da Noruega

Agora que eu já contei tudinho sobre o nosso roteiro pelo sul da Noruega, sobre o aluguel da campervan e os campigns onde ficamos, chegou a hora de falar sobre os hikings!

Conforme mencionei no post anterior, nós fizemos as três trilhas mais famosas do sul da Noruega – Kjerag, Prekestolen e Trolltunga. Não é à toa que são tão populares: ô lindeza!

Importante salientar que achei as trilhas bem mantidas e com boa sinalização. Mas, antes de começar sua aventura, vale a pena dar uma olhada no website deles, cheio de informações úteis e dicas de segurança.

Outra coisa importantíssima: use roupas e sapatos adequadas para hiking. Mesmo no verão, lembre-se que no topo das montanhas pode fazer bastante frio – então vista-se “em camadas”. Leve também água, comida (de sobra), protetor solar, óculos de sol e boné.


3 Trilhas Para Fazer no Sul da Noruega

Trilha Kjerag 

Trilhas na Noruega - Kjerag

  • Temporada de hike: maio a setembro
  • Distância: 12 km
  • Ganho de elevação: 570 metros
  • Tempo aproximado: 7 a 9 horas

A trilha Kjerag fica no fiorde Lysefjord e leva para a pedra suspensa Kjeragbolten, famosa entre os aventureiros que adoram penhascos e frio na barriga (não é meu caso, hahaha).

Infelizmente, tinha muita neblina na manhã que fizemos esse hike. As condições do tempo atrapalharam a vista e deixaram as pedras SUPER escorregadias. Confesso que para mim foi meio perrengue, pois tenho medo de altura e ficava com receio de escorregar e me machucar. E realmente eu caí diversas vezes! :P

Para a nossa sorte, na volta o tempo abriu! Decidimos esperar e (aleluia!) conseguimos ver o fiorde Lysefjord lá de cima. Foi demais.

Trilhas na Noruega - Kjerag

Percurso

A trilha começa ao lado do estacionamento e é bem demarcada – a sinalização é feita com setas vermelhas nas pedras, que funcionam super bem.

O início é difícil, pois a subida é longa e íngreme. Tão íngreme que possui correntes para nos segurarmos. Aliás, elas foram super úteis para amenizar os meus tombos.

Trilhas na Noruega - Kjerag

Trilhas na Noruega - Kjerag

Depois dessa primeira “puxada”, descemos de novo, passamos por um vale e seguimos para a segunda subida – também super íngreme, porém mais curta.

Trilhas na Noruega - Kjerag

Mais um descida pela frente e a então a terceira e última subida até chegarmos no topo do fiorde. Daí é só alegria! Terreno plano e vistas incríveis (quando as nuvens dão uma trégua, hahaha).

Conforme mencionei, quando chegamos na Kjeragbolten o tempo estava super fechado e não conseguíamos ver o fiorde lá embaixo.

A pedra fica suspensa em um penhasco de 984 metros (que medo!). Eu, obviamente, não consegui subir. Tive que implorar pro meu marido ficar sentado. Sem exagero, eu dava gritos de pavor cada vez que ele se mexia, hahahah.

Em dias abertos, as fotos ficam assim:

Foto da querida Lidi, que já morou na Noruega e me deu muitas dicas (Insta: @lidialbuquerque). <3

Foto da Marcela, que me deu muuuuuitas dicas sobre as trilhas da Noruega! (Insta: @tripsandroadtrips).

Como o tempo não estava uma maravilha, tinha pouca gente na trilha. Aliás, tinha bem pouca gente na pedra para fazer fotos! Imagino que em dias de sol, a fila seja enorme.

Apesar do perrengue e do meu nervoso com a altura, o passeio foi lindo e super valeu a pena. <3


Trilha Prekestolen 

Trilhas na Noruega - Prekestolen

  • Temporada de hike: abril a setembro
  • Distância: 7,6 km
  • Ganho de elevação: 350 metros
  • Tempo aproximado: 5 horas

Essa é a trilha mais famosa da Noruega. Prekestolen (Pulpit Rock) recebe aproximadamente 300 mil visitantes por ano. Também fica no fiorde Lysefjord e as paisagens são de tirar o fôlego.

Por ser tão popular, a área possui uma ótima infraestrutura para turistas: estacionamento bem amplo, banheiros e restaurante pertinho da trilha. Se quiser passa a noite por ali, tem hotel (Prekestolen Mountain Lodge) e camping. 

No dia em que fizemos esse hike, o tempo estava maravilhoso – céu azul e temperatura agradável. Foi muito legal.

Percurso

Para quem está acostumado com atividades físicas, esse hike é bem fácil (não é à toa que está sempre lotado). Por isso, sugiro começar a subida beeeeem cedo (tipo 7h) para evitar a muvuca e conseguir curtir a vista, além de fazer boas fotos (aliás, mesmo chegando cedo, tinha bastante fila para foto).

A trilha é bem demarcada e sinalizada; tem muitas partes com escadas de pedra e a subida não é muito íngreme. Dá para fazer curtindo e sem muito sofrimento. 

A maior parte do percurso não tem vista, mas é lindo: árvores, pedras, laguinhos, pontes; ou seja, o cenário perfeito.

Nos últimos 300 metros é que o fiorde começa a aparecer lá embaixo. É muito incrível!

Trilhas na Noruega - Prekestolen

Quando estávamos voltando, tinha MUITA gente na trilha. Então lembre-se de chegar bem cedo pra poder aproveitar. Juro que vale a pena.


Trilha Trolltunga

  • Temporada de hike: junho a setembro
  • Distância: 28 km (se você usar o shuttle de/para o upper parking lot, reduz para 21km)
  • Ganho de elevação: 350 metros
  • Tempo aproximado: 10 a 12 horas

Ô coisa mais linda! Pra mim, essa foi a trilha mais sensacional da Noruega.

O dia estava ensolarado e todo o percurso do hike foi incrível – recomendo muito, muito, muito! Mas tem que estar preparado fisicamente, pois são 21 km de caminhada -no mínimo.

Isso mesmo, se na ida e na volta você conseguir usar o shuttle* que leva para o upper parking lot, fará 21 km de caminhada. Porém, se não usar o shuttle, vai adicionar 7km no total! O primeiro shuttle sai às 6:30 (foi esse que que pegamos) e o último (para descer), é às 14h30. Nós conseguimos usar os dois e foi ótimo. Economizar 7km faz muita diferença, gente!

* Trolltunga shuttle (sujeito à alterações, sugiro confirmar no site):

Funcionamento: 15 de junho a 15 de setembro
Preço: Ida NOK 130/ Volta NOK 100

Percurso

Bem, sobre o hiking em si. Nós começamos às 7h e chegamos na famosa pedra Trolltunga às 9h45 (10,5 km de ida). O início é um pouco íngreme, mas depois fica mais plano, o que facilita bastante. Eu achei esse hike mais fácil do que o Kjerag, apesar de ser bem mais longo.

Quando chegamos, já tinha bastante gente na fila da foto (siiiim, sempre tem fila pra foto). Mas não demorou muito, acho que foram uns 15 minutos de espera.

Depois de fazermos as nossas fotinhos, sentamos para curtir a paisagem e fazer nosso lanche. Saímos de lá umas 11h e já tinha muuuuuita gente. Imagina como é no auge do verão?

Conseguimos fazer a volta em 3h30 e chegamos no upper parking lot para pegar o ultimo shuttle! Foi o hiking mais longo que fiz na vida e os meus pés estavam moídos. Se eu tivesse que fazer os últimos km andando, teria sido bem doloroso, mas teria valido a pena. <3


E você, está planejando uma viagem para Noruega? Conta pra mim. :)

Tags:

1 comentário

  • Marcela
    3 de maio de 2019 at 5:55 AM

    AAah que post mais lindo!!! Que saudades que deu!
    Menina, pra mim é novidade esse shuttle na Trolltunga!! Não tinha isso na minha época não! Acabei de ver no site que começou no ano passado! Isso teria ajudado tanto… hahaha
    O nosso percurso deu 26km e eu juro que até hoje não sei como fui capaz de fazer… A pior parte com certeza foi a descida final, interminável! Agora até animo de fazer de novo!! hahaha
    Beijo!

LEAVE A COMMENT

Reserve seu Hotel



Booking.com

Guias em Seattle

Categorias

Sobre a Blogueira

Camila Picolli

Sou Camila Picolli, publicitária, gaúcha e moro em Seattle desde 2011...mais →

Mila no Instagram