Roteiro de dois dias em Yellowstone

O Parque Nacional de Yellowstone é sem dúvida um dos lugares mais fascinantes que já visitei. As fontes termais parecem pinturas, porém, os gêiseres estão lá para nos lembrar que não se trata de obra de arte, mas sim um dos maiores vulcões do mundo. Tem coisa mais interessante?

Roteiro de dois dias em Yellowstone - Norris Geyser Basin

Fundado em 1872, o Yellowstone National Park foi o primeiro parque nacional dos Estados Unidos (neste post eu explico sobre o conceito). Com o passar dos anos, o modelo americano cruzou fronteiras – hoje existem mais de 1.900 parques nacionais espalhados por 180 países. Que lindo isso, né?

Curiosidades sobre Yellowstone National Park:

* Existem 30 super vulcões ativos na Terra. O Yellowstone é um deles e é o único localizado fora do oceano.
* O Yellowstone teve pelo menos três erupções: uma há 2,1 milhões de anos, a outra há 1,2 milhões de anos e a mais recente há 640.000 anos.
* Sua área tem aproximadamente 9.000 km2 – os estados de Delaware e Rhode Island caberiam dentro do parque. Juntos.
* Seu território encontra-se em 3 estados: Wyoming, Montana e Idaho (sendo a maior parte em Wyoming – 96%).
* O parque tem 5 entradas, 745km de estradas, 1.520 km de trilhas e 12 campings.
* Yellowstone tem aproximadamente 300 gêiseres ativos – 60% de todos os gêiseres do mundo estão lá.
* Anualmente, até 2 mil terremotos atingem o parque.
* A área possui 55 espécies de mamíferos, 311 de aves, 18 de peixes, 6 de répteis e 4 de anfíbios.
* O parque tem uma prisão, um juíz e um agente do FBI. Ou seja, comportem-se!
* O Yellowstone é a versão “vida real” do parque fictício de Jellystone, do desenho animado  Zé Colmeia. Quem lembra dele e do Catatau?

Roteiro de dois dias em Yellowston

Como organizar o roteiro
As principais atrações do Yellowstone ficam numa área em formato de 8, chamada Grand Loop (mapa abaixo), formada pelas estradas dentro do parque. Para o roteiro de 2 dias, a dica é fazer o círculo superior no dia 1 e o inferior no dia 2. Estas áreas são chamadas de Upper Loop e Lower Loop, muito utilizadas para localização e referências nos mapas.

Obs: A entrada mais próxima do nosso camping ficava a oeste do parque (publiquei aqui todos os detalhes de onde ficar e como chegar no Yellowstone). Mas qualquer uma delas dá acesso ao grand loop. Ou seja, o roteiro é o mesmo, o que pode mudar é a ordem das atrações. 

Roteiro de dois dias em Yellowstone

Roteiro Yellowstone 2 dias- mapa

Roteiro de dois dias em Yellowstone – Dia 1  – Upper Loop

1. Iniciamos pela entrada oeste do Yellowstone. A nossa primeira parada foi na Gibbon Falls. Aliás, sempre que víamos vários carros estacionados, nós parávamos também. Se tem um monte gente em volta, deve ser legal, né? Foi isso que aconteceu na Gibbson Falls.

2016-06-09 Yellowstone_gibbonfalls2

Gibbon Falls – Yellowstone National Park

2016-06-09 Yellowstone_gibbonfals1

Gibbon River

2. Artist Paint Pots 

Trilha do Artist Paint Pots

Trajeto de 1,5km que leva para fontes de lama coloridas e borbulhantes (mud pots), pequenos gêiseres e fumarolas (saídas de vapor). As cores são lindas! Foi uma ótima “palinha” do que estava por vir :).

Parque Nacional Yellowstone-6

Artist Paint Pots

3. Norris Geyser Basin

Parque Nacional Yellowstone-179

Esta é a área termal mais antiga e também a mais quente do Yellowstone. Consiste em duas zonas: Porcelain Basin e Back Basin. Aqui fica o gêiser mais alto do mundo (Steamboat). Reserve pelo menos 1 hora para passear com calma por lá.

Parque Nacional Yellowstone-10

Norris Geyser Basin

Parque Nacional Yellowstone-11

Norris Geyser Basin

Parque Nacional Yellowstone-8

Norris Geyser Basin

Norris Geyser Basin

Norris Geyser Basin

4. Mammoth Hot Springs

Parque Nacional Yellowstone-13

Estes terraços são imperdíveis,  principalmente porque são muito diferentes de outras áreas do parque.  Há milhares de anos, a água das nascentes vêm depositando carbonato de cálcio que cristaliza-se e forma  terraços coloridos e lindíssimos. Para fazer todo o percurso, nós levamos em torno de 1 hora.

Mammoth Hot Springs

Mammoth Hot Springs

Parque Nacional Yellowstone-14

Mammoth Hot Springs

Parque Nacional Yellowstone-15

Mammoth Hot Springs

Parque Nacional Yellowstone-16

Mammoth Hot Springs – olhem que linda a textura.

Parque Nacional Yellowstone-18

Mammoth Hot Springs

Parque Nacional Yellowstone-19

Mammoth Hot Springs

5. Blacktail Plateau Drive

Parque Nacional Yellowstone-22

Foi aqui que vimos nosso primeiro urso preto (da vida). Se você avistar vários carros parados, muitas câmeras apontando para o mesmo lugar e um guarda do parque tentando coordenar os turistas eufóricos, pode ter certeza que tem urso por perto.

Parque Nacional Yellowstone-23

Urso no Yellowstone – Blacktail Plateau Drive

6. Dunraven Pass

Parque Nacional Yellowstone-28

Esta área também é cheia de vida selvagem, então é importante ficar atento. Foi ali perto que vimos o nosso segundo urso. Ele subiu em uma árvore e deu um show de habilidade para os turistas curiosos.

Parque Nacional Yellowstone-32

Urso no Yellowstone – Dunraven Pass

7. Grand Canyon of the Yellowstone

2016-06-10 Yellowstone-36

O Grand Canyon do Yellowstone é espetacular. Vale a pena visitar as suas duas margens – a vista é linda de vários ângulos. Se você tiver tempo, faça também uma das trilhas (nós chegamos no final da tarde, por isso não fizemos).

O cânion tem aproximadamente 39 km de comprimento, até 370 m de profundidade e 1,21 km de largura. Além disso, o local possui 3 cachoeiras: Lower Falls, Upper Falls e Crystal Falls.

Parque Nacional Yellowstone-41

Grand Canyon of Yellowstone – Vista do Artist Point (Lower Falls ao fundo). Parece uma pintura!

O atual cânion, considerado jovem, possui entre 10.000 e 14.000 anos. Mas até hoje a sequência dos acontecimentos não é bem compreendida. Sabe-se apenas que o cânion foi formado por erosão, não por glaciação.

Parque Nacional Yellowstone-40

Grand Canyon of Yellowstone – Vista do Inspiration Point

Roteiro de dois dias em Yellowstone – Dia 2 – Lower Loop

Para fazer um “grand finale”,  recomendo conhecer o Lower loop no segundo dia, já que nele ficam as atrações mais famosas do Yellowstone. Além disso, minha sugestão é tentar fazê-lo no sentido anti-horário.

8. Lower Geyser Basin

Parque Nacional Yellowstone-58

Esta bacia possui mais de 100 atrações geotermais: gêiseres, fontes de lama, fontes termais e fumarolas.

Parque Nacional Yellowstone-62

A mais famosa atração é chamada de Fountain Paint Pots, cheia de mini vulcões e lama borbulhante. Mas eu achei as fontes termais lindas também.

Parque Nacional Yellowstone-61

Parque Nacional Yellowstone-5

Parque Nacional Yellowstone-60

Parque Nacional Yellowstone-59

9. Midway Geyser Basin

Aqui fica a famosa Grand Prismatic Hot Spring, maior fonte termal de Yellowstone e a terceira maior do mundo (as duas primeiras ficam na Nova Zelândia). Mas não é só o seu tamanho que encanta – as cores são inacreditáveis.

Parque Nacional Yellowstone-122

Os tons alaranjados encontradas nas bordas da Grand Prismatic (e de algumas outras fontes termais) são resultado da ação dos microorganismos que crescem em torno da água, muito rica em minerais.

Parque Nacional Yellowstone-133

Grand Prismatic Spring

A melhor vista da Grand Prismatic é aérea. Até o ano passado, era possível subir uma trilha “não oficial” para Fairy Falls e ver a fonte de cima. Porém, a trilha está fechada para reformas até 2018 (estão construindo uma estrututa apropriada de observação do Grand Prismatic). Fiquei mega frustrada na hora, pois isto era o que eu mais queria fazer. Mas depois vi tantas coisas lindas que a frustração passou :).

Parque Nacional Yellowstone-135

Grand Prismatic Spring

Parque Nacional Yellowstone-137

Grand Prismatic Spring

Parque Nacional Yellowstone-139

Grand Prismatic Spring

Parque Nacional Yellowstone-143

Grand Prismatic Spring

Neste mesmo basin fica o Excelsior Geyser, que na verdade não apresenta erupções desde 1985. A água da sua cratera ferve bastante, por isso fica coberta por uma camada densa de vapor. Mas o tom de azul é lindo.

Parque Nacional Yellowstone-70

Excelsior Geyser

Parque Nacional Yellowstone-72

Excelsior Geyser

10. Upper Geyser Basin é conhecido por abrigar o Old Faithful – o gêiser mais famoso de todos. Apesar de não ser o mais alto do mundo, o Old Faithful encanta por ser muito previsível. Atualmente, ele explode em intervalos de 90 a 120 minutos (aproximadamente). Suas erupções liberam até  32.000 litros de água fervente, a uma altura de 32 a 56 metros e com duração de até 5 minutos.

Como o show tem “hora prevista”, fica fácil de se programar. Chegue pelo menos uns 30 minutos antes para pegar um bom lugar na arquibancada (sim, tem arquibancada).

Para saber o horário da próxima erupção, você pode visitar este site. Eles atualizam com os horários reais das últimas explosões, então é só calcular mais 90 minutos para saber (mais ou menos) quando será a próxima.

Parque Nacional Yellowstone-93

Muuuuuitas pessoas esperando a erupção do Old Faithful. Nós chegamos 30 minutos antes e deu super certo.

Parque Nacional Yellowstone-95

Uma pena que não tinha sol. Mesmo assim, foi muito legal. Show super pontual :P.

No Upper Geyser Basin, também encontra-se a Morning Glory Pool, uma das minhas preferidas. As cores são incríveis, parece até que esta fonte  é uma coisa de outro mundo. Quem sabe um portal para outra dimensão? :P.

Para chegar na Morning Glory Pool é preciso fazer uma trilha. Pequena e fácil, mas é uma trilha* (começa no Old Faithful). Por isso, pouquíssimas pessoas visitam este local. Ou seja, conseguimos admirar a fonte termal sem ter que ficar brigando com outros turistas por espaço. Além disso, vimos várias coisas bacanas no caminho.

Parque Nacional Yellowstone-80

Parque Nacional Yellowstone-81

Em algumas ocasiões, a Morning Glory Pool entrou em erupção como um gêiser, geralmente após um terremoto ou outra atividade sísmica nas proximidades.

Parque Nacional Yellowstone-82

Ao longo dos anos, as entradas de água da Morning Glory Pool foram obstruídas por objetos jogados pelos turistas. Isso reduz o fornecimento de água quente, o que resulta em alterações na aparência geral da fonte.

O parque já realizou algumas tentativas de limpeza, entre elas a indução de erupções artificiais para desentupir as entradas bloqueadas. Muito triste saber que as pessoas têm coragem de jogar objetos num local desses.

Parque Nacional Yellowstone-84

Parque Nacional Yellowstone-76

Parque Nacional Yellowstone-77

11. West Thumb Geyser Basin

Parque Nacional Yellowstone-102

Este local me surpreendeu positivamente. Eu sabia que seria bonito, mas não tanto. Achei que, depois da Grand Prismatic e da Morning Glory Pool, nada mais me encantaria. Eu estava enganada. A Blackpool é uma das minhas fontes termais preferidas, olhem a cor!

Parque Nacional Yellowstone-103

West Thumb – Blackpool

Parque Nacional Yellowstone-106

West Thumb – Blackpool

Parque Nacional Yellowstone-108

West Thumb

West Thumb é uma bacia de géiseres bem na margem do Yellowstone Lake. As suas fontes termais não são encontrados somente na margem do lago, mas dentro dele também.

Parque Nacional Yellowstone-118

Lakeshore Geyser – dentro do Yellowstone Lake.

Parque Nacional Yellowstone-119

Lakeshore Geyser – Yellowstone Lake.

Parque Nacional Yellowstone-114

Lakeshore Geyser – Yellowstone Lake.

12. Yellowstone Lake 

Parque Nacional Yellowstone-109

Ao visitar o West Thumb, guarde um tempinho para apreciar o lago. O Yellowstone Lake está a 2.357 metros acima do nível do mar e abrange 350 km2, com 180 km de costa. A profundidade chega a atingir 120 metros em alguns locais. A sua água é cristalina e ele é i-m-e-n-s-o.

Parque Nacional Yellowstone-110

Parque Nacional Yellowstone-111

Durante os meses do verão, é possível fazer passeios guiados* pelo lago (canoa, kayak e barco).

Parque Nacional Yellowstone-113

Parque Nacional Yellowstone-117

13. Hayden Valley

2016-06-10 Yellowstone-55

Hayden Valley é habitat dos animais selvagens e é freqüentado por bisões, alces, ursos e coyote. Fique um tempo na área e a chance de ver algum deles é grande (100% de chance de ver bisões, eu garanto).

2016-06-10 Yellowstone-57

2016-06-10 Yellowstone-44

Os horários nos quais os animais estão mais ativos é cedo da manhã ou final de tarde.

2016-06-10 Yellowstone-46

2016-06-10 Yellowstone-150

* Links úteis
Trilha para Morning Glory Pool 
Tours guiados no Yellowstone Lake
Site do Yellowstone

21 Comentários

  • Helena
    8 de agosto de 2019 at 4:25 PM

    Parabens pelo roteiro!!! Salvou minha viagem rsrs. Eu estou indo no fim de agosto e estava desesperada achando que nao conseguiria visitar as principais atraçoes em 2 dias. Muito obrigada!! =)

    • camilapicolli
      8 de agosto de 2019 at 10:44 PM

      Obaaaaa! Que legal, Helena. Depois conta como foi. :) Boa viagem.

  • Karla
    23 de março de 2019 at 10:17 AM

    Que maravilha de roteiro!! Estão de parabéns! Estou indo no fim de abril, moro em Utah!!

    • camilapicolli
      24 de março de 2019 at 5:40 PM

      Obaaaaaaa! Obrigada, Karla! Aproveite muito (e qualquer dúvida me escreve!). Super beijo

  • Christiano
    14 de junho de 2018 at 7:52 AM

    Ola, primeiramente parabéns pelo belo trabalho feito e pelas imagens. Irei pro Yellowstone em Maio de 2019 com esposa e filho que completara 3 anos na viagem, e em seguida emendaremos os 5 parques de Utah e Arizona Monument valley, Horseshoe bend e Antelope. De tudo o que eu li na internet, até agora o seu roteiro se encaixa no que eu quero fazer pois vou iniciar por Bozeman, a minha duvida é se em dois dias eu consigo fazer este roteiro com crainça (3 anos) ou se seria melhor eu fazer este mesmo trajeto em 3 dias. Obrigado.

    • camilapicolli
      20 de junho de 2018 at 8:27 AM

      Oi Christiano!
      Nesse caso, acho melhor vcs ficarem 3 dias. :)

  • Pingback: Yellowstone Park: guia completo para explorar o parque - Ideias na mala

  • Lika
    18 de agosto de 2017 at 3:10 PM

    Oi, Camila,

    Você tem alguma indicação de restaurantes por lá?

    Obrigada,

  • fabio fioravante
    8 de julho de 2017 at 3:59 PM

    ola pessoal, boasss..
    parabens pelo post.
    vejam se podem me assistir, em novembro o parque é acessível? pelas pesquisas que estou fazendo, as opiniões são divergentes, o que me dizem?

    • camilapicolli
      9 de julho de 2017 at 11:19 PM

      Oi Fabio! Obrigada :).
      Bem, o parque é acessível, mas limitado (apenas uma estrada fica aberta). A maioria das atividades é relacionada com neve (esqui, snowshoe, snowmobile, etc). Aqui tem mais informações sobre o parque no inverno – https://www.nps.gov/yell/planyourvisit/visiting-yellowstone-in-winter.htm.

      • fabio
        14 de julho de 2017 at 12:43 PM

        Ola Camila…
        entendi… super tks pelo retorno da msg.
        melhor pensar num plan B entao.
        tksss!

  • Pingback: Roteiro de carro – Seattle para Yellowstone | Livre & Leve

  • Carlos Macena
    11 de julho de 2016 at 1:02 PM

    Impressionante o roteiro e a qualidade das fotos. Parabéns!!!

    • camilapicolli
      11 de julho de 2016 at 1:17 PM

      Muito obrigada, Carlos!!! :D

  • Marcela
    11 de julho de 2016 at 9:44 AM

    Oi Camilla!!

    Que post mais incrível! É um guia completo!! Yellowstone é um dos parques que mais tenho vontade de conhecer, já to deixando aqui salvo para consultas futuras!!

    :)

    Beijão!

    • camilapicolli
      11 de julho de 2016 at 1:18 PM

      Marcela, tu vai amar Yellowstone. Quando vocês forem, me avisa. Quem sabe posso dar mais dicas?! Beijos!

  • Infinita Highway
    10 de julho de 2016 at 3:11 AM

    Caso ainda não o tivéssemos conhecido certamente estaria buscando informações na net e chegaríamos até este teu post, e claro iriamos nos conhecer em Seattle de qualquer modo!
    Este é sem dúvida um dos parques norte-americanos mais fantástico. Ficou ótimo o post!!!

    • camilapicolli
      10 de julho de 2016 at 6:14 PM

      Que amor! Muito obrigada, que bom que gostaram do post. Adorei conhecer vocês, se um dia voltarem pros EUA, temos que nos reencontrar :D.

  • Pingback: Planejamento de viagem para Yellowstone | Livre & Leve

LEAVE A COMMENT

Reserve seu Hotel



Booking.com

Guias em Seattle

Categorias

Sobre a Blogueira

Camila Picolli

Sou Camila Picolli, publicitária, gaúcha e moro em Seattle desde 2011...mais →

Mila no Instagram